Promover o desenvolvimento lexical desde os primeiros anos: um percurso didático

Vânia Rita Alegria

Resumo


O desenvolvimento lexical está diretamente relacionado com a capacidade de compreensão e produção do significado não só ao nível da palavra, ou item lexical, mas também no domínio da dimensão textual. Assim sendo, cabe à escola a tarefa de estimular e promover o desenvolvimento da consciência lexical de modo a aumentar as capacidades linguísticas dos alunos.

O presente estudo tem como objetivos: (i) caracterizar as competências dos alunos ao nível da definição verbal; (ii) implementar um percurso didático numa turma do 1º ano, do 1º Ciclo; (iii) avaliar a eficácia da intervenção didática realizada no desenvolvimento da definição verbal dos alunos.

Para dar resposta aos objetivos delineados, procedeu-se à conceção e implementação de um projeto de intervenção numa turma de 1º ano do 1º Ciclo do Ensino Básico, da margem sul de Lisboa. A planificação da intervenção contempla a aplicação de um pré-teste de definição verbal (Sim-Sim, 2014) e a intervenção didática em sala de aula, seguida de um pós-teste de definição verbal, de forma a poder avaliar os resultados da intervenção.

Os resultados desta investigação mostram que o desenho de um percurso didático, ancorado nos princípios da abordagem ativa de descoberta e concebido para despoletar a atividade metalinguística dos alunos no domínio da consciência lexical, pode ser um fator de desenvolvimento lexical, o que na linha da literatura da especialidade é indicado como potenciador do aumento de competências de literacia.

Texto Completo:

PDF HTML

Referências


Araújo, C. B. (2011). O lugar das palavras na aula de língua materna. Consultado em maio de 2019, em https://www.eduser.ipb.pt/index.php/eduser/article/view/36/39

Barbeiro, L. F. (1993). A tarefa metalinguística da definição: explicitação do significado das palavras. In Sequeira, F. (org.) Linguagem e Desenvolvimento. Braga: Instituto de Educação, Universidade do Minho.

Beane, J. (2003). Integração curricular: A essência de uma escola democrática. Currículo sem Fronteiras 3:2, 91-110.

Boch, F. (2004). Apprentissage du lexique et production d’ écrits: une articulation féconde? In Actes du 9 colloque de l’ AIRDF, Québec, 26 au 28 août. Consultado em maio de 2019, em http://www.colloqueairdf.fse.ulaval.ca/fichier/Communications/francoise-boch.pdf

Calaque, E. (2004). Construction du vocabulaire et construction des connaissances au cours moyen. In Actes du 9 colloque de l’ AIRDF, Québec, 26 au 28 août. Consultado em maio de 2019, em http://www.colloqueairdf.fse.ulaval.ca/fichier/Communications/Calaque.pdf

Cardoso, A., Pereira, S., Pinto, M. & Silva, E. (2018). O ensino da gramática pela descoberta: o projeto PerGRam. In P. Osório,E. Leurquin & M. C. Coelho (Orgs.), Lugar da gramática na aula de Português (pp. 276-289). Rio de Janeiro: Dialogarts.

Dicionário Terminológico. Consultado em maio de 2019 em http://dt.dge.mec.pt/

Duarte, I. (2011). O conhecimento da língua: desenvolver a consciência lexical. Lisboa. DGIDC.

Laranjeira, R., Leite, T. & Pereira, S. (2015). Desenvolvimento Lexical: Perspetivas e Práticas de Professores no 1.º Ciclo do Ensino Básico. Atas do 2º Encontro de Mestrados em Educação e Ensino da ESELx (pp. 173-185). Lisboa: CIED.

Marques, M. (2019). Projeto PerGRam – Proces

sos para o ensino da gramática no primeiro ano de escolaridade, Bellaterra Journal of Teaching & Learning Language & Literature 12(2) Jun/Jul 2019.

Pacheco, N. M. G. (2011). Ensino de Léxico e Texto Descritivo. Dissertação de mestrado, Escola Superior de Educação de Lisboa. Consultado em maio de 2019 em http://hdl.handle.net/10400.21/2391

Pereira, S., Santos, A., Pinto, M., Silva, E. Cardoso, A. (2016a). Às voltas com as palavras. Percursos didáticos para a explicitação gramatical no primeiro ano do 1º Ciclo do Ensino Básico, vol. 1-11. Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa. Consultado em maio 2019 em https://www.eselx.ipl.pt/comunidade/recursos/pergram/recursos-online.

Pereira, S., Santos, A., Pinto, M., Silva, E., Cardoso, A. (2016b). Definição Verbal I. In Às voltas com as palavras. Percursos didáticos para a explicitação gramatical no primeiro ano do 1º Ciclo do Ensino Básico, vol. 7. Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa. Consultado em maio 2019 em https://www.eselx.ipl.pt/sites/default/files/media/2018/pergram2016_brochura7.pdf.

Pereira, S., Santos, A., Pinto, M., Silva, E., Cardoso, A. (2016c). Definição Verbal II. In Às voltas com as palavras. Percursos didáticos para a explicitação gramatical no primeiro ano do 1º Ciclo do Ensino Básico, vol. 8. Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa. Consultado em maio 2019 em https://www.eselx.ipl.pt/sites/default/files/media/2018/pergram_brochura_8.pdf.

Pereira, S., Santos, A., Pinto, M., Silva, E., Cardoso, A. (2016d). Definição Verbal III. In Às voltas com as palavras. Percursos didáticos para a explicitação gramatical no primeiro ano do 1º Ciclo do Ensino Básico, vol. 9. Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa. Consultado em maio 2019 em https://www.eselx.ipl.pt/sites/default/files/media/2018/pergram2016_brochura9.pdf.

Sim-Sim, I. (1998). Desenvolvimento da Linguagem. Lisboa: Universidade Aberta.

Sim-Sim, I. (2014 [1997]). Avaliação da linguagem oral: Um contributo para o desenvolvimento linguístico das crianças portuguesas. Textos de educação. Fundação Calouste Gulbenkian.

Sim-Sim, I., Silva, A. C. & Nunes, C. (2008). Linguagem e Comunicação no Jardim de Infância. Textos de Apoio para Educadores de Infância. Lisboa: Ministério da Educação. Direção Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular.

Xavier, L. (2012). Ensinar gramática pela abordagem ativa de descoberta. EXEDRA - Revista científica ESEC, Número Temático – dezembro 2012, 468-478.




DOI: https://doi.org/10.25757/invep.v10i1.206

Apontadores

  • Não há apontadores.


Copyright (c) 2020 Da Investigação às Práticas: Estudos de Natureza Educacional

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.